AQUI TODO MÊS, É MÊS DO ROCK!!!
 
InícioInício  CalendárioCalendário  FAQFAQ  BuscarBuscar  MembrosMembros  GruposGrupos  Registrar-seRegistrar-se  Conectar-seConectar-se  

Compartilhe | 
 

 História Do Red Hot Chili Peppers

Ir em baixo 
AutorMensagem
Jeff

avatar

Mensagens : 91
Data de inscrição : 27/09/2009
Idade : 27

MensagemAssunto: História Do Red Hot Chili Peppers   Dom Set 27, 2009 10:27 am



O Red Hot Chili Peppers rompeu várias barreiras musicais em plenos anos 80 com sua mistura explosiva de funk e punk-rock.


Mesmo sendo imitado por toda uma geração de bandas, o grupo conseguiu se firmar como um dos principais nomes do rock alternativo até os dias de hoje.


Tudo começou ainda no final dos anos 70, quando Anthony Kiedis, Michael Balzary (mais tarde conhecido apenas como Flea) e Hillel Slovak começaram a firmar uma forte amizade em sua escola em Los Angeles, na Califórnia.


Na época, Balzary, um ardoroso fã de jazz, tocava trompete enquanto Slovak se dedicava à guitarra e Kiedis se concentrava na poesia e em atuar em peças da escola.


Após Slovak ensinar Balzary a tocar baixo, os três, juntamente com outro amigo em comum, o baterista Jack Irons, adotaram o singelo nome de Tony Flow and the Miraculously Majestic Masters of Mayhem. Influenciado por bandas de punk-rock como The Germs e Black Flag e também de funk, como Parliament e Sly & the Family Stone, o grupo começou a tocar em bares de striptease de Los Angeles. Logo eles incorporaram aos seus shows aquilo que viraria uma marca registrada do Red Hot Chili Peppers – se apresentar completamente pelados, exceto por meias cobrindo certas partes de sua anatomia. Em 1983,


Balzary decidiu adotar o nome artístico de Flea e a banda se rebatizou de Red Hot Chili Peppers. Os shows explosivos e imprevisíveis do grupo começaram a chamar a atenção do público local, resultando num contrato assinado com a gravadora EMI.


No entanto, antes de começar a trabalhar em seu primeiro LP, Slovak e Irons abandonaram o quarteto para se dedicar à sua outra banda, What Is This. Com a adição do guitarrista Jack Sherman e do baterista Cliff Martinez, o Red Hot Chili Peppers lançou seu homônimo disco de estréia em 1984.


Apesar de não passar inteiramente despercebido, o trabalho não conseguiu captar o já conhecido dinamismo das apresentações da banda.


Após o fim do What is This e do conseqüente retorno de Slovak e Irons, o quarteto lançou seu segundo disco, “Freaky Styley”, em 1985, com produção do mago do funk George Clinton. O LP, apesar de ainda não captar a magia dos shows dos Chili Peppers, mostrou uma evolução na sonoridade do grupo e preparou o terreno para o disco que levaria, pela primeira vez, o RHCP às paradas. “The Uplift Mofo Party Plan” foi lançado em 1987 e entrou no 148o lugar das paradas americanas. Em seguida, o quarteto fez uma turnê pela Europa, que foi seguida por um merecido descanso.


Ainda em 1987, chegou o EP “The Abbey Road”. No entanto, quando o mundo parecia começar a prestar atenção no Red Hot Chili Peppers, uma tragédia abalou a banda. O guitarrista Hilel Slovak foi encontrado morto no dia 25 de junho de 1988, devido à uma overdose de heroína.


O baque levou Irons a deixar o grupo novamente, levando Kiedis (que também lutava contra seus próprios problemas com drogas) e Flea a prosseguir sozinhos. Após a rápida passagem de alguns músicos pela banda, eles optaram por John Frusciante (guitarra) e Chad Smith (bateria). A nova formação de um Red Hot Chili Peppers revigorado deu certo: o LP “Mothers Milk”, de 1989, rendeu à banda seu primeiro disco de ouro, graças à regravação de “Higher Ground”, de Stevie Wonder, e “Knock Me Down” – uma homenagem a Slovak. Cientes de que o próximo álbum seria o mais importante de suas carreiras, os músicos se isolaram numa mansão junto com o produtor Rick Rubin.


O resultado foi o multi-platinado “Blood Sugar Sex Magik”, de 1991, que vendeu, até hoje, mais de sete milhões de cópias apenas nos EUA. O trabalho emplacou os hits “Give it Away”, “Breaking the Girl” e “Under the Bridge” – a primeira música do RHCP a entrar no Top Ten das paradas – transformando o Red Hot Chili Peppers em megaestrelas do rock. No entanto, as coisas desandaram novamente quando Frusciante, atordoado pela fama repentina e, como seu antecessor, viciado em heroína, abandonou o grupo no ano seguinte. Após experimentar os guitarristas Arik Marshall e Jesse Tobias, a banda optou pelo ex-Janes Addiction Dave Navarro, que gravou o sexto disco de estúdio do RHCP, o irregular e decepcionante “One Hot Minute”, de 1995. Alegando incompatibilidade criativa, Navarro deixaria a banda em 1998, abrindo o caminho para o retorno de Frusciante que, devastado pelo uso de heroína, foi encontrado à beira da morte em Los Angeles.


Após se internar numa clínica e recuperar as forças, Frusciante retornou com os Chili Peppers com “Californication”, de 1999. O álbum foi um sucesso à altura de “Blood Sugar Sex Magik”, emplacando os hits “Scar Tissue”, “Otherside”, “Around The World” e a faixa-título.


O grupo passaria pelo Brasil duas vezes: em 1999 (quando tocou no caótico festival Woodstock ´99) e em 2001, na terceira edição do Rock in Rio. Nos anos seguintes, o quarteto saiu em turnê com Foo Fighters e Pearl Jam.


O oitavo álbum do RHCP, “By the Way”, seguiu em 2002, mostrando uma aposta em novas sonoridades e baladas climáticas. Os principais hits do disco foram a faixa-título e “Can´t Stop”. Ainda no mesmo ano, o grupo tocou novamente no Brasil, fazendo shows em São Paulo, Porto Alegre e no Rio de Janeiro.


O ano de 2003 marcou mais dois lançamentos: o DVD “Live at Slane Castle” e a coletânea “Greatest Hits”, reunindo os maiores sucessos da carreira da banda.


Lançado em maio de 2006, o tão esperado novo álbum dos Chili Peppers, “Stadium Arcadium” conta com dois CDs e 28 faixas inéditas.


O primeiro single, “Dani California” já é sucesso em todo o mundo, e consagra os pimentinhas como uma das maiores bandas da história.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
 
História Do Red Hot Chili Peppers
Voltar ao Topo 
Página 1 de 1
 Tópicos similares
-
» Algumas histórias, sobre algumas músicas
» História e ritmos da Música Baiana III - Axé Pop
» Som Imaginário - A História.
» Som Nosso de Cada Dia - A história.
» História da Música o Mundo é um muinho de Cartola.

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Rock World :: Histórias-
Ir para: